Prognósticos Para Apostar Basquetebol Estados Unidos América

Estados Unidos América NBA Basquetebol Tips e Prognósticos para Apostas

Não existem eventos em breve

Escolhe outros torneios e pesquisa mais eventos.

Pesquisar Torneios

Próximos eventos em Basquetebol

Tabela da Liga

Equipa PI DG PCT
1 Atlanta Hawks 72 0
2 Miami Heat 72 0
3 Washington Wizards 72 0
4 Charlotte Hornets 72 0
5 Orlando Magic 72 0

Regresso na NBA - Tudo o que precisas de saber

Regresso na NBA - Tudo o que precisas de saber

O ProTipster é líder no que toca à quantidade de tips disponíveis para apostar na NBA. A nossa comunidade, repleta de entusiastas que acompanham cada jogo ao pormenor, é fonte de conhecimento sobre a mais mediática competição de basquetebol à escala mundial. Lê o nosso guia relativo a este regresso da NBA. 

A magia da NBA está de volta. A competição de basquetebol mais mediática do mundo tem o seu reatamento agendado para dia 30 de julho com o duelo entre New Orleans Pelicans e Utah Jazz agendado para as 23h30 (hora de Portugal continental), seguindo-se o eletrizante “derby” de Los Angeles entre os candidatos Lakers e Clippers. Mas afinal, em que moldes regressará a competição?

Passaram-se quase quatro meses desde que as principais estrelas que disputam a NBA entraram em cena. A pandemia paralisou todas as principais competições à escala global e o campeonato norte-americano de basquetebol não foi exceção. Em altura de regresso, são inúmeras as indispensáveis precauções adotadas por forma a evitar a propagação do vírus, assim comos os receios, ao ponto de o comissário da NBA Adam Silver ter admitido a possibilidade de voltar a interromper a competição caso a pandemia assim obrigue.

Todas as atenções em Orlando

A cidade de Orlando, no estado da Flórida, integra o habitual roteiro da NBA dado que lá se situa o Amway Center, casa dos Orlando Magic. Porém, nunca os holofotes da maior competição de basquetebol do mundo incidiram com tamanha intensidade nesta localidade quanto nos próximos meses. Derivado do contexto de pandemia, a administração da NBA decidiu reunir as 22 equipas (somente as que seguem com aspirações no que toca ao apuramento para o “play-off” ou já garantiram a respetiva vaga)  numa “bubble”, “bolha” em português, no Walt Disney Word Resort, Orlando, por forma a que os atletas se encontrem num ambiente segregado e controlado. Todos os atletas foram testados antes de entrar na “bolha” montada no complexo desportivo ESPN Wide World Sports que fica precisamente dentro da Disney World. Além da NBA, também a MLS (Major League Soccer) está a ser disputada num formato peculiar naquele território situado na zona sul dos Estados Unidos.

À imagem daquilo que tem acontecido na grande maioria das competições desportivas reatadas após a interrupção motivada pela pandemia, os jogos da NBA também não vão contar com público nas bancadas… pelo menos fisicamente.  Em resultado de uma parceria entre a NBA e a Microsoft, pelo menos 300 adeptos vão ter a oportunidade de assistir a cada partida através de um ecrã LED instalado em cada pavilhão. Assim, a presença no recinto desportivo ficará restrita a atletas, equipas técnicas, árbitros, equipas médicas e ainda um reduzido número de jornalistas, equipas de comunicação e, naturalmente, os responsáveis pela transmissão dos jogos. O empenho dos responsáveis da NBA no sentido de otimizar a experiência de transmissão é notório com a introdução de novas opções nesse sentido, desde o reposicionamento do número de câmaras, à melhoria da captação do som, sem esquecer também o reforço da interação nas redes sociais.

Quem vai jogo?

A fase regular da NBA é habitualmente disputada por 30 equipas, 15 em cada Conferência, com as oito primeiras de cada uma a garantirem o acesso ao famoso e sempre entusiasmante “play-off”. Numa altura em que faltam apenas oito jornadas para o fim da fase regular, várias equipas já não têm hipóteses do ponto de vista matemático de se apurarem para a fase seguinte, pelo que, tendo em conta as circunstâncias, ficaram foram da “bolha” de Orlando – está a ser estudada a possibilidade de disputarem um torneio à parte entre si. A Este, Milwauckee Bucks, Toronto Raptors, Boston Celtics, Miami Heat, Indiana Pacers, Philadelphia 76ers, Brooklyn Nets, Orlando Magic e Washington Wizards (formações posicionadas por esta ordem) seguem em prova, ao passo que Charlotte Hornets, Chicago Bulls, New York Knicks, Detroit Pistons, Atlanta Hawks e Cleveland Cavaliers estão já fora de cena. A Oeste, a situação classificativa é mais equilibrada, dado que são apenas duas as equipas que já viram gorada a possibilidade de alcançarem os “play-off”, nomeadamente Minnesota Timberwolves e Golden State Warriors, penúltimo e último colocados. Em prova continuam Los Angeles Lakers, La Clippers, Denver Nuggets, Utah Jazz, Oklahoma City Thunder, Houston Rockets, Dallas Mavericks, Memphis Grizzlies, Portland Trail Blazers, New Orleans Pelicans, Sacramento Kings, San Antonio Spurs e Phoenix Suns.

A estrutura do “play-off” permanece inalterada em relação ao habitual formato com eliminatórias disputadas “à melhor de sete”.

Calendário competitivo

As equipas chegaram a Orlando entre os dias 7 e 9 de julho para iniciar os trabalhos com sessões de treino e jogos de preparação. A retoma oficial, tal como já foi referido, terá lugar a 30 de julho. O início dos encontros do “play-off” está previsto para dia 17 de julho. As meias-finais das duas Conferências vão deverão arrancar a 31 de agosto, as finais a 15 de setembro e, se tudo correr bem, a 30 de setembro cumprir-se-á o primeiro encontro que definirá o vencedor da NBA 2019/20. Segundo os responsáveis da NBA, aconteça o que acontecer, a competição terá que ser dada por concluída até dia 13 de outubro. Atendendo ao termo tardio da atual edição, a NBA 2020/21 só começará no dia 1 de dezembro.

Favoritos

A atual situação é bastante peculiar, totalmente distinta daquilo que se viu até hoje na NBA. Primeiro que tudo, impera a curiosidade de perceber de que forma é que regressarão as equipas após uma paragem tão prolongada. Para além disso, sem o “fator casa” a ter influência no decisivo “play-off”, será igualmente interessante perceber se a ausência de público tornará ou não tudo mais nivelado.

Olhando às odds disponibilizadas pela generalidade das Casas de Apostas relativas ao próximo campeão da NBA, há três principais favoritos bem destacados  dos demais: os Milwaukee Bucks, líderes a Este, e os rivais Lakers e Clippers, dois primeiros colocados da tabela no Oeste.

Para os Milwaukee Bucks liderados pelo extraordinário grego Giannis Antetokounmpo, a vitória na Conferência Este é praticamente um dado adquirido, apontado agora a uma melhor prestação no “play-off” que na época passada, etapa em que caíram às mãos dos Toronto Raptors, atuais campeões em título. Giannis quer provar o seu valor em contexto de decisão depois de ter sido muito criticado na última época pela quebra apresentada nessa fase e é certo que tem uma tarefa exigente em mãos, mesmo que coadjuvado por jogadores importantes como Bledsoe ou Middleton.

 A cidade de Los Angeles é casa para os outros dois principais candidatos. Do lado dos históricos Lakers, num ano marcado pelo desaparecimento de Kobe Bryant, figura indissociável da história do clube, LeBron James ambiciona conquistar o quarto anel para homenagear o “Black Mamba”. Bem mais forte que na época passada sobretudo em virtude da chegada de Anthony Davis proveniente dos Pelicans mas também graças à qualidade de jogadores como Dwight Howard ou do próprio Danny Green, os Lakers lideram a Conferência Oeste e têm por meta o regresso aos títulos. Do outro lado da cidade, os Lakers têm um adversário preparado e apetrechado como nunca. A chegada de Kawhi Leonard, campeão ao serviço dos Toronto Raptors no último ano e figura de proa da campanha dos canadianos, espelha bem o investimento realizado no reforço da equipa com o intuito de atacar o título de campeão da NBA. Porém, nem só Kawhi brilha ao serviço dos Clippers, formação que conta com caras bem conhecidas do grande público do basquetebol norte-americano como Paul George, Patterson ou Joakim Noah.

Falar nas contas do título e não considerar os atuais detentores do mesmo, os Toronto Raptos, seria no mínimo injusto. Os canadianos aparentam estar bem atrás de Bucks, Lakers e Clippers nesta luta, mas pretendem demonstram que têm uma palavra a dizer. Kawhi já não mora em Los Angeles, mas os Toronto continuam a possuir um conjunto bem interessante e a destacar-se pelos números apresentados sobretudo do ponto de vista defensivo. Pelo meio há ainda James Harden, líder dos Houston Rockets e candidato a MVP que quer contriar as odds e baralhar as contas. 

Não esperes mais. Confere já as melhores dicas e prognósticos para apostar na NBA

As melhores Casas de Apostas para jogar na NBA

#1

Bónus de boas-vindas

DE ATÉ 122 EUR

#2

Bónus de boas-vindas

No seu primeiro depósito

Bónus de 100% - até 500€!

#3

Bónus de boas-vindas para novos jogadores

Até £100 de crédito

Como Apostar na NBA?

O ProTipster é um dos portais que reúne melhores tips para apostar na NBA. Centenas de prognósticos para apostar na NBA são publicados todos os dias e as apostas simples na NBA continua a ser muito populares. No entanto, se quiseres jogar com “stakes” mais baixas, recomendamos-te que optes por uma aposta múltipla, ou seja, reúnas duas ou três seleções de jogos de uma só vez.

O mercado mais popular é o tradicional 1x2 (ou 1-2, no caso do basket), ou seja, apostar no vencedor do jogo. Prever o desfecho de um jogo é a essência das apostas desportivas, mas nem tudo se resume aos mercados de vitória. As apostas de handicap são um bom exemplo, mercado em que a equipa escolhida inicia o jogo com menos ou mais pontos, consoante a opção escolhida pelo apostador.

Várias previsões para jogos da NBA incluem totais de mais/menos pontos. Ao apostar neste tipo de mercado, importa atentar no histórico entre equipas, novidades acerca de cada uma delas e respetivas estatísticas. Por exemplo, se o melhor atirar da equipa A não defrontar a equipa B, é expectável que a equipa A faça menos pontos que o habitual.

Também podes prever o desfecho da primeira parte, mas tem em mente que a maioria dos treinadores da NBA opta por lançar as principais estrelas apenas no segundo quarto. Os favoritos costumam dar a volta à situação na segunda parte, etapa em que costumam melhorar defensivamente, sobretudo nos derradeiros instantes do desafio.

 Por último mas não menos importante, apresentamos as apostas especiais. Ao optares por este tipo de mercados, deves apontar quantos pontos é que o jogador A vai conseguir marcar ou quantos ressaltos poderá ganhar. Os especialistas em apostas na NBA que publicam tips para a NBA no ProTipster seguem as notícias de cada equipa de forma atenta e isso poderá ser muito útil – se o melhor lançador da equipa estiver de fora, outro jogador terá que assumir a responsabilidade.

Odds para Apostar na NBA

A melhor forma de “bater” as Casas de Apostas é encontrar valor nas odds para apostar na NBA. Há algumas formas de o fazer e recomendamos vivamente que monitorizes o movimentos das odds da NBA de forma diária. Se as odds caem ou aumentam repentinamente, as Casas certamente sabem algo que nós ainda não descortinámos, importando atentar nas lesões e suspensões de jogadores importantes ou que desempenhem um papel preponderante na manobra da equipa. De resto, numa realidade competitiva como a NBA, a influências das principais estrelas de cada equipa é determinante. Podes apostar na NBA tanto online quanto no Placard. Os melhores prognósticos grátis para a NBA estão no ProTipster!

Quando colocas uma múltipla (ou combinada), as odds escolhidas são multiplicadas. Juntar três favoritos à vitória poderá ser uma boa opção. No entanto, deves ter em conta que as Casas de Apostas online costumam disponibilizar odds muito baixas a favor dos principais candidatos à conquista da NBA. Quando a diferença entre duas equipas é muito grande, as Casas de Apostas podem nem disponibilizar odds a favor dos favoritos. Neste tipo de situação, deves optar por apostar num handicap associado aos favoritos. 

Apostas ao Vivo na NBA

Apostar ao vivo é outra opção interessante. A maior vantagem das apostas ao vivo é o facto de as Casas de Apostas disponibilizarem odds altas e mercados adicionais. Ao apostar ao vivo, as hipóteses de sucesso crescem dado que o utilizador está a ver tudo o que acontece em tempo real, podendo prognosticar de forma mais certeira.

Por exemplo, se um “jogador chave” se lesiona no início do jogo, a tarefa da sua equipa pode muito bem complicar-se. Noutro cenário possível, se o treinador descansa as suas unidades habituais, os suplentes não deverão estar ao nível que as odds disponibilizadas pelas Casas de Apostas indicam.

Tal como mencionámos anteriormente, se estivermos a falar de apostar ao vivo na NBA, recomendamos que coloques as tuas apostas no último quarto, uma vez que as melhores equipas tendem a estar mais fortes nesse período.

Tem em consideração que há um variado serviço de apostas ao vivo na 1xBet.

Como os Prognósticos do ProTipster Podem Melhorar as Tuas Apostas

A National Basketball Association – NBA – é por muitos considerada a melhor liga de basquetebol do mundo. A época regular vai de outubro a abril e cada equipa disputa um total de 82 jogos.

Durante a época regular, vais encontrar tips para a NBA no ProTipster. Dado que os jogos decorrem a qualquer dia da semana, deverão estar sempre algumas tips disponíveis, ainda que haja uma pausa a meio da época para a disputa do All-Star Game.

A NBA é disputada por 30 equipas – 29 dos Estados Unidos e uma do Canadá – divididas em duas Conferências.  As oito equipas de cada Conferência com o melhor registo de vitórias/derrotas vão disputar o “play-off” que se joga nos meses de abril e maio, com a final agendada para junho.

A NBA é uma das poucas competições profissionais norte-americanas e que todas as equipas jogam entre si pelo menos uma vez. Cada equipa enfrenta as adversárias da sua divisão quatro vezes por ano, seis das equipas restantes outras quatro vezes e as três restantes em três ocasiões. Além disso, defrontam cada equipa da Conferência contrária pelo menos duas vezes por ano.

As eliminatórias do “play-off” e a final são disputados em séries de sete jogos. A primeira equipa a vencer quatro jogos segue para a ronda seguinte e os derrotados são eliminados.

Prognósticos para a NBA Hoje

As tips para jogos da NBA são publicadas numa grande variedade e mercados. O mercado mais comum é o “Moneyline” em que um tipster escolhe uma equipa para ganhar por um determinado número de pontos ou outra para não perder por uma determinada margem. Também existem tips para mercados como o total de pontos em cada parte do jogo ou, claro está, de handicaps asiáticos.

Todas as tips para a NBA publicadas no PoTipster são revistas por um algoritmo inteligente que se baseia em vários factores para avaliar a performance de um tipster. É aplicado um determinado “score” entre 0 a 10 a cada tip que permite determinar qual a melhor tip para apostar na NBA – quanto mais alto for o “score”, maior a probabilidade de a tip te ajudar a ter lucro.

Os nossos tipsters de basquetebol publicam as suas tips para a NBA a tótulo diário, logo, podes encontrar vários prognósticos para a NBA hoje ou para cada noite de NBA, todos os dias. A fase regular da NBA 2019 começa a 22 de outubro de 2019 e acaba a 15 de abril de 2020, tempo mais que suficiente para encontrares odds de valor.

Se quiseres publicar tips para a NBA por ti mesmo, podes abrir uma conta de tipster no ProTipster. Além de poderes publicar os teus prognósticos para a NBA, também podes seguir os melhores prognósticos publicados por especialistas na NBA.

Publica as tuas próprias Tips para a NBA

Assim que te juntares à nossa comunidade de apostadores, estarás apto a publicar as tuas próprias tips para os jogos da NBA. Além de poderes publicar tips para a NBA, ainda vais poder participar nas competições mensais do ProTipster para te habilitares a prémios reais em dinheiro. Cada competição de tipsters no ProTipster tem o respetivos termos e condições e recomendamos-te que os leias de forma detalhada por forma a estares habilitado aos prémios mensais.

Enquanto publicas os teus prognósticos para a NBA para esse mesmo dia ou noite, podes considerar os vários mercados disponíveis (vencedor do jogo, handicap asiático, intervalo, total da equipa da casa, total da equipa forasteira, total de pontos, etc.). Antes de lançares o teu prognóstico para a NBA, assegura-te de que dás o melhor palpite possível e expressa o teu grau de confiança ao selecionar uma das seis opções (5, 20, 40, 60, 80, 100).

História da NBA

Fundada em 1946 e disputada por 30 equipas dos Estados Unidos e do Canadá, a NBA é a a principal competição profissional de basquetebol do mundo. Os New York Knickerbockers (na realidade, não se chamam “Knicks”, nome que lhes é atribuído de forma mais comum) defrontaram os já extintos Toronto Huskies naquele que foi o primeiro jogo de sempre na história da NBA, disputado a 1 de novembro de 1946. Wataru Misaka, nos New York Knicks (dupla nacionalidade japonesa e americana) foi o primeiro estrangeiro a atuar na época 1947/48, ao passo que primeiro afro americano a disputar a competição foi Harold Hunter, jogador que assinou pelos Washinton Capitals em 1950. O “sorteio” de jogadores que habitualmente antecede o início da época oficial é chamado de “NBA Draft”, sendo que se realiza desde 1947. O evento costuma envolver equipas provenientes das equipas universitárias e as equipas que não conseguiram atingir o “play-off2 na época anterior têm prioridade no Draft. Desde 1985 que 14 bolas, numeradas de 1 a 14 e 1000 combinações de quatro dígitos são associadas a 14 equipas. A pior equipa recebe 250 combinações, a segunda pior 199, a terceira 156 e por aí fora. Após as três primeiras escolhas serem determinadas, o resto das equipas são ordenadas de acordo com os respetivos desempenhos na época anterior.

As Melhores Equipas da NBA

Boston Celtics

Os Boston Celtic são o emblema de maior sucesso na história da NBA. Fundados em 1946, os Boston Celtics disputam os seus jogos em casa no TD Garden, uma arena que pode albergar até 18 624 espectadores. A formação do TD Garden venceu o seu 17º título da NBA em 2008, ao bater os Los Angeles Lakers por 4-2 na final do “play-off”. Larry Bird, Bill Russel, Robert Parish, Kevin Garnet, John Havlicek e Shaquille O’Neal são alguns dos jogadores notáveis que já passaram pelos Celtics.

Los Angeles Lakers

Os Los Angeles Lakers são sinónimo de NBA. Os gigantes do basquetebol foram a principal força da NBA no início do século XXI com a equipa a vencer cinco troféus entre 2001 e 2010. Os LA Lakers são o segunda emblema com maior sucesso na história da NBA (16 campeonatos) e Kobe Bryant, Shaquille O’Neal, Magic Johnson, Wilt Chamberlain ou Kareem Abdul Jabbar são alguns dos notáveis que passaram pelo clube do Staples Center no passado. LeBron James, em busca de ultrapassar Kobe Bryant na lista de jogadores com mais pontos em todas a história da NBA, também representa os Lakers, mas ainda não conseguiu conquistar o troféu com a camisola que atualmente veste.

Golden State Warriors

 Os Golden State Warrios são considerados a melhor equipa da NBA no século XXI. Os Warriors conquistaram a NBA pela sexta vez em 2018 ao baterem os Cleveland Cavaliers de LeBron James por 4-0 na final. Os melhores tipsters do nosso portal costumam incluir os comandados de Steve Kerr nas suas apostas, até porque Stephen Curry continua a fazer parte da equipa. Jogadores como Kevin Durant, Wilt Chamberlain e Chris Mullin são alguns dos jogadores mais famosos que outrora representaram os Golden State Warrios. Os Warrios disputam os seus jogos no Chase Center, espaço com capacidade para 18 064 espectadores.

As Maiores Estrelas da História da NBA

Michael Jordan

Nascido a 17 de fevereiro de 1963 em Nova Iorque, Michael Jordam é uma lenda do basquetebol que venceu a NBA por seis vezes com os Chicago Bulls. “Air Jordan” marcou 32 291 pontos em 1 072 jogos ao serviço dos Bulls entre 1984 e 1998, ano em que se retirou do basquetebol pela segunda vez. Antes disso, em 1993, Jordan tinha decidido abandonar o basquetebol em 1993 na sequência do assassinato do seu pai a tiro numa área de serviço em Lumberton, na Carolina do Norte. Michael Jordan regressou à NBA em 1995, continuando ao serviço dos Bulls. Em 2001, regressou à NBA pela segunda vez para representar os Washington Wizards. No entanto, sem uma equipa que acompanhasse a sua genialidade, Jordan não foi capaz de conquistar a competição.

Kobe Bryant

Desde que Bryant deixou os Los Angeles Lakers, os tipsters evitam incluir a equipa do Staples Center nas suas apostas. Bryant é nada mais nada menos que o terceiro melhor marcador da história da NBA com um total de 33 634 pontos marcados em 1 346 jogos. Bryant conquistou a NBA por cinco vezes com os Lakers (2000, 2001, 2002, 2009 e 2010) e ganhou o prémio de MVP da final em duas ocasiões (2009, 2010). Kobe Bryant participou em 18 “All-Star games” da NBA. O “Black Mamba”, como é conhecido, é um produto da Lower Merion High School.

LeBron James

Ao longo dos últimos anos, LeBron James assumiu-se como um dos melhores jogadores da NBA. Sempre que publicares as tuas tips para os jogos da NBA nessa noite, se LeBron integrar o cinco inicial dos LA Lakers, recomendamos-te vivamente que apostes na equipa, atendendo á quantidade de vezes que LeBron assume um papel absolutamente determinante. LeBron James conquistou a NBA por duas vezes com os Miami Heat (2012, 2014) e uma com os Cleveland Cavs, ao vencer os Golden State Warriors por 4-3 na final da NBA 2016.